Instalando o Windows 10 no Ultrabook Samsung Series 5 Ultra

Resolvi trazer á vida esse Ultrabook, o modelo é o 530U da Sansung, que aparelho cheio de travas e impedimentos... Ele vem travado com o Win8 e o recover dele fica na Issd interna (soldada na placa mãe dele) uma bomba ! mas que tem solução ...Vamos lá! 



A primeira coisa a fazer, considerando que a mídia de instalação já está pronta, é configurar o Setup para inicializar pelo pendrive. Para isso é preciso alterar três parâmetros:



1) Desabilitar o Fast BIOS Mode;


2) Desabilitar o Secure Boot;


3) Configurar a opção OS Mode Selection para CSM OS;



Feito isso, é hora de inicializar a máquina pela mídia de instalação, mas em vez de instalar vamos escolher a opção de reparação, e então, nas opções de recuperação, clicar em prompt de comando;


Nesta situação temos um disco SSD e um HD. Nestes ultrabooks o sistema deve ser instalado no HD e o Express Cache se encarregará de executar os ajustes para aumento de desempenho. Agora faremos o particionamento manual dos discos, seguindo os passos abaixo:



1) Executar o particionador:

diskpart


2) Listar os discos:

list disk


 3) Remover as partições, para o caso de existirem, de cada disco (este procedimento apagará quaisquer informações existentes nos discos):

sel disk 0

clean

sel disk 1

clean

O disco 2 é o pendrive pelo qual a máquina foi inicializada.


4) Criar as partições no disco 1, que já está selecionado, onde o sistema será instalado :

create partition primary size=100

create partition primary size=100000

create partition primary

A primeira partição será aquela reservada para o sistema, com 100MB. A segunda é onde efetivamente o Windows será instalado e a última é o restante do espaço do disco.


5) Listar as partições criadas:

list partition


6) Formatar e atribuir as letras das unidades:

sel partition 1

format fs=ntfs quick

assign letter=k

sel partition 2

format fs=ntfs quick

assign letter=c

sel partition 3

format fs=ntfs quick

assign letter=d


7) Verificar a estrutura final dos volumes:

list volume



8) Sair do Diskpart, do Prompt de Comando e reiniciar a máquina, de novo pelo pendrive:

exit

exit


Após a inicilização, clicar em Instalar Agora, e depois em Personalizada; selecionar a partição criada para a instalação do sistema (neste caso a de 100GB) e avançar.


A instalação avisará que talvez crie partições adicionais (e na verdade criará mesmo). Clique em Ok.


Aguarde a instalação até a primeira reinicialização. Quando aparecer a tela da figura abaixo, inicialize novamente pela mídia de instalação.


Acesse o Prompt de Comando, como no início do artigo. Vamos verificar agora como ficaram as partições após a instalação:


1) Executar o Diskpart e listar os volumes:

diskpart

list volume

Será apresentado algo como a imagem a seguir: 

Perceba que a instalação criou outra partição de 100MB. Estaria tudo certo se essa partição não tivesse sido criada no SSD. Por causa disso, se tentarmos concluir a instalação e iniciar o Windows nos depararemos com um erro. Observe também que as letras dos volumes também mudaram, mas não precisamos nos preocupar com isso pois ao fim dos procedimentos seguintes as unidades de disco estarão corretas.


2) Listar os discos, selecionar o SSD e remover a partição criada pela instalação:

list disk

sel disk 0

list partition

sel partition 1

clean

Atente para os números dos discos e partições a serem usados.


3) Selecionar o HD e tornar ativa a partição de 100MB criada anteriormente:

sel disk 1

list partition

sel partition 1

active

Mais uma vez atente para os números dos discos e partições a serem usados.


4) Sair do Diskpart e retornar ao Prompt de Comando:

exit


5) Reparar a partição de inicialização:

bcdboot E:\Windows /s D:

Utilize as letras conforme o resultado mostrado pelo comando "list volume" do Diskpart.


6) Sair do prompt de comando:

exit


7) Reiniciar, desconectar o pendrive e concluir a instalação.


8) Habilitar no setup o Fast Bios Mode;

Ao concluir a instalação, perceba que o Windows está normalmente no disco C:


O próximo passo é a instalação dos drivers, que podem ser encontrados aqui. Não esquecer de instalar o Express Cache, o Intel Rapid Start e Intel Rapid Storage e na seção Software instalar o Easy Settings. Abaixo uma captura de tela do Easy Settings, ilustrando a utilização do SSD pelo Express Cache:

0 Comentários

Linus Torvalds anuncia primeiro candidato a lançamento do Linux Kernel 6.0

Linus Torvalds deu início ao ciclo de desenvolvimento da próxima série de kernel Linux 6.0 e anunciou hoje a disponibilidade do primeiro marco Release Candidate (RC) para testes públicos. Duas semanas se passaram desde o lançamento do kernel Linux 5.19 , que também é o último lançamento do kernel da série Linux 5.x, e a abertura da janela de mesclagem para o kernel Linux 6.0. Agora, a janela de mesclagem do Linux 6.0 está oficialmente fechada e o primeiro marco do Release Candidate (RC) está pronto para testadores e usuários de ponta que desejam uma amostra antecipada do que está prestes a ser incluído na versão final, que é esperado em início de outubro de 2022. De acordo com Linus Torvalds, todas as grandes mudanças foram mescladas e o kernel Linux 6.0 parece ser outro lançamento bastante considerável com outro grande conjunto de melhorias para usuários de GPU AMD. Cerca de 60% do lançamento são drivers novos e atualizados para melhor suporte de hardware, mas também há atualizações d