Firefox 3.1 permite navegação privada

A segunda versão do Firefox 3.1 está disponível para download, em caráter de testes, desde terça-feira (9). A principal mudança é o acréscimo do modo de "navegação privada" no menu "Ferramentas". Quando ativado, o modo não armazena o histórico navegado no computador.

Também é possível apagar o histórico recente, escolhendo entre "última hora", "últimas duas horas", "últimas quatro horas", ou "todo o histórico do dia".

A versão também apresenta a possibilidade de arrastar abas para fora da janela do navegador. A ação converte as abas em novas janelas.

É possível acessar mais detalhes sobre a versão no site de desenvolvimento desta versão do navegador Mozilla, que agora conta com "engine" (motor de navegação) javascript Trace Monkey.

0 Comentários

Opera GX não tem pra Linux (mas isso nao faz diferença!)

 Opera GX tem alguns recursos muito interessantes, como  o controle GX . Que são uma série de utilitários  com os quais você não precisa fechar programas para obter mais desempenho da máquina direcionando recursos para outro software. No lugar disso,o GX Control você pode escolher quanta RAM, quanto tempo de CPU e quanta rede o navegador terá disponivel. Assim,  largura de banda, recursos de memória e CPU  destinados aos jogos não seriam prejudicados. E você pode pensar ... o Opera GX existe para o Linux ? (Claro que não tem!) Mas tudo bem, fazer esses ajustes no GNU / Linux você não precisa do GX Control, ele se vira com o que tem. O seu terminal ! Vamos lá ! Limite a largura de banda: Para limitar a largura de banda ou o uso da rede que um processo ou programa faz em seu Linux, também existem várias opções. Um deles é usar o programa trickle, outro é o wonderershaper. Você deve instalar os dois pacotes, pois eles não são pré-instalados nas distros por padrão. Quanto ao uso, você pode