sábado, 5 de janeiro de 2008

Urnas usarão Linux em eleições de 2008

TSE mudará para Linux urnas que serão usadas em eleições municipais de 2008.

O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral autorizou nesta quinta-feira (13) a substituição dos sistemas operacionais VirtuOS e Windows CE para o sistema aberto Linux, adaptado pelo próprio órgão, em todas as 430 mil urnas eletrônicas usadas nas eleições de 2008, que escolherão prefeitos.

Segundo o tribunal, o objetivo é conferir mais transparência e confiabilidade à urna e ao processo eleitoral.

A Secretaria de Tecnologia da Informação (STI) sugeriu a adoção de um sistema baseado em software livre, adaptado para a urna eletrônica, para facilitar a certificação de confiabilidade e segurança do software usado pelos terminais.

A equipe técnica do TSE, desde 2002, vem realizando testes para viabilização de uma solução de código aberto. Entre as vantagens citadas pelo órgão, estão a possibilidade de usar Linux em todos os modelos de urna, além da transparência e independência oferecidas pelo sistema já que o processo eleitoral se livre de pressões mercadológicas para atualização de versão.

Ainda de acordo com o tribunal, a substituição aumentará a credibilidade das eleições, pois a substituição dos atuais sistemas utilizados por Linux é um fator facilitador para apresentação do sistema na íntegra, incluindo o núcleo, sem as dificuldades impostas pela propriedade intelectual dos criadores.

Nenhum comentário: